Áudio da conversa com o vereador Ricardo Young

Minha intenção inicial era comentar sobre todos os temas que conversei com o Ricardo na visita ao seu gabinete, antes de divulgar o áudio. Porém, como estou demorando um pouco além do planejado para terminar os comentários, divulgo abaixo o áudio e continuo a postar os comentários assim que terminá-los.

@rafascarvalho

Anúncios

Ricardo Young comenta sessão de 21/02/2013

As sessões da Câmara Municipal acontecem toda terça, quarta e quinta às 15h (isso se não falecer nenhum ex-vereador ou parente). Pelo horário, acompanhar as sessões não é das tarefas mais fáceis de se fazer, portanto elogio os vídeos que o vereador Ricardo Young tem disponibilizado, é um jeito rápido de saber o que aconteceu (ou não) na sessão.

Sobre a sessão de 21/02, mais uma vez não houve acordo e não aconteceu nenhuma votação. Veja o vídeo abaixo.

@rafascarvalho

Direto do Plenário – 20/02/2013

Ricardo Young comenta a sessão de hoje (20/02/2013)

—-

Comentários:

Concordo com a suspensão da sessão de hoje, mas realmente se toda sessão for suspensa quando há a morte de algum ex-vereador ou parente de vereador, ou qualquer outro motivo, ficará difícil manter uma rotina de trabalho eficaz para o plenário.

Temos que cobrar dos vereadores (e vejo o Ricardo fazendo isso) que as discussões ocorram em todas as esferas da câmara, inclusive no plenário. Que as decisões não fiquem restritas às reuniões de liderança ou às reuniões da mesa diretora (que nem podemos acompanhar e fiscalizar).

Posição sobre a Nova Inspeção Veicular

Sobre o projeto apresentado pelo prefeito Haddad sobre as mudanças na Inspeção Veicular, a Folha de SP publicou:

Haddad pressiona Alckmin a criar inspeção veicular em todo Estado

Pelas ideias apresentadas durante a campanha para Prefeitura por Fernando Haddad, o vereador Ricardo Young se posicionou contra as mudanças, principalmente aos itens:

– transferência à  prefeitura do custo da inspeção
– alteração da periodicidade da inspeção
– da exclusão de carros novos
– aumento do custo à saúde pública, resultante da piora da qualidade do ar.

Ricardo Young escreveu um artigo na Folha de SP sobre isso. Pode ser acessado aqui

Com as alterações feitas da proposta original da campanha, o vereador esta avaliando a posição que deverá tomar, como ele mesmo disse no vídeo abaixo após a sessão plenária de ontem (19/02).

Para você conhecer exatamente qual o projeto apresentado por Haddad, veja aqui Projeto de Lei – Inspeção Veicular.

——

Comentários:

Pelos recentes comentários do prefeito, vejo que há uma grande preocupação de jogar para a “galera” a decisão. Se há erros no contrato com a Controlar, que sejam corrigidos, mas credenciar qualquer oficina para realizar a inspeção, acho muito difícil de ser fiscalizado.

Além disso, caso a taxa realmente seja devolvida, o dinheiro continuará saindo do cofre da prefeitura. O valor da taxa previsto é de R$ 47,44, em 2012 foi realizada a Inspeção em exatamente 2.677.186 veículos (3,4% foram reprovados na segunda chance), se não houvesse alteração nesse número (algo improvável), o valor a ser devolvido (descontado quem foi reprovado) será de R$ 122.687.509,90 (este número não é oficial). Não consigo concordar com isso, já que todos acabariam pagando a conta, inclusive quem não tem carro.

Na minha opinião, a proposta apresentada é muito melhor que as ideias da campanha do Haddad, mas não é o suficiente para dizer que é uma boa mudança.

@rafascarvalho

Projeto: Alerta contra Enchentes

–via Ricardo Young

O vereador Ricardo Young se pronunciou agora no chamado “grande expediente”, na sessão plenária da Câmara Municipal de São Paulo.

Enquanto os vereadores comparavam os avanços e gargalos que cada gestão deixou para a questão das enchentes, Young anunciou ter protocolado hoje um projeto de lei para obrigar a prefeitura a comunicar a população, com antecedência, sobre as chuvas que podem causar estrago.

O alerta permitiria encerramento de expedientes e dispensa de funcionários em repartições públicas, escolas e empresas para que as pessoas pudessem se preparar e se proteger de enchentes, como já acontece em cidades europeias e norte-americanas que sofrem com as nevascas.

Você pode ouvir aqui o discurso completo”

A esperança e o ranço

Via Ricardo Young

Bom dia!

A esperança e o ranço

Encerramos a primeira semana dos plenários na Câmara Municipal, com o prejuízo da suspensão dos trabalhos de hoje (veja vídeo abaixo). Entre os debates sobre segurança pública, cooperação entre as esferas do Poder, invasão de áreas de mananciais e uma potencial epidemia do crack, vislumbra-se que boa parte dos novos vereadores estão movidos por temas relevantes, com forte aderência na sociedade e de modo independente das colorações partidárias. O sentimento até aqui é de uma legislatura promissora!

No entanto, o ranço dos vieses partidários pode contaminar as melhores contribuições. A bancada petista, apesar de mostrar abertura para o diálogo, tem a dura tarefa de ajudar o prefeito a fortalecer a imagem do PT nacional, enxergando no atual mandato uma “bala de prata” para a conquista do governo estadual. Do outro lado, os vereadores do PSDB já sinalizam que não darão trégua no embate contra esse projeto. O tom? É tão cordial quanto poderia ser o encontro dos presidentes dos Estados Unidos e da União Soviética em plena Guerra Fria.

Vídeo:

—–

Comentário: Quem já acompanha os trabalhos da Câmara, não ficará surpreso com os comentários que Ricardo Young fez acima. Os vereadores tem o péssimo hábito de se acharem mais importantes que os cidadãos e se esquecem que são eles o motivo deles terem sido eleitos.

@rafascarvalho